Pressione ESC para fechar


1

Organograma: o que é e como aplicar na minha empresa?

Toda a empresa possui uma hierarquia de trabalho definida. Quem ocupa qual cargo e quais são as suas funções. Entretanto, essa hierarquia pode não estar tão visível para os colaboradores da empresa. Sendo assim, a criação de um organograma ajudará os funcionários a entender como a empresa funciona, quais suas obrigações e a quem devem se reportar.

A criação de um organograma é uma tarefa simples, mas não deve ser menosprezada pelos gestores da empresa. A melhora evidente na organização do negócio traz diversos benefícios, por isso, a elaboração desse esquema precisa ser levada a sério pelo alto comando de uma empresa.

O que é um organograma?

O organograma pode ser explicado como a representação gráfica da estrutura hierárquica de uma organização. Nele estão definidos todos os cargos de uma empresa, quem ocupa essas cadeiras e quais são suas funções.

Seu objetivo é demonstrar mais facilmente, para todos os colaboradores, como a empresa está estruturada. A ideia é que qualquer funcionário seja capaz de reconhecer a sua posição dentro da hierarquia e quais são as suas responsabilidades.

Benefícios do organograma

Além de melhorar o entendimento da hierarquia, a elaboração de um organograma traz uma série de benefícios para a empresa que decide montar essa representação. Algumas delas são:

– Facilita o processo de onboarding: o esquema do organograma ajuda os novos colaboradores a se encontrarem dentro da organização da empresa. Compreendendo quem faz parte da sua equipe, suas responsabilidades e a quem deve responder.
– Melhora a comunicação interna: o organograma indica a quem os funcionários respondem e quem é o responsável por delegar funções. Dessa forma, a linha de comando fica clara a todos os colaboradores.
– Aumento da produtividade: o organograma permite que os funcionários reconheçam a importância das suas atividades para o conjunto maior de metas da empresa. Assim, o trabalho se torna mais integrado e produtivo.

Como fazer um organograma

Seguindo sete passos simples, a empresa pode criar o seu próprio organograma. São eles:

1. Pesquisa: o primeiro passo é determinar todos os cargos, suas funções e quem ocupa essa posição na empresa.
2. Identifique as hierarquias: identificar a estrutura de cargos, definindo o grau hierárquico entre eles.
3. Modelo: defina qual modelo de gráfico é o mais adequado para a empresa.
4. Ferramenta: é possível montar a representação com a ajuda de diferentes ferramentas. Defina a que melhor se adequa as necessidades do seu negócio.
5. Validação: com a representação pronta, os líderes de cada setor devem dar o seu aval sobre o gráfico.
6. Apresentação: o organograma deve ser disponibilizado para todos os funcionários da empresa, seja em murais, na rede interna ou aplicativos da empresa. O importante é que o acesso seja fácil e constante.
7. Atualizações: mantenha o gráfico atualizado, sempre de acordo com as demissões, contratações e qualquer alteração no quadro de funcionários.

Icarus é o ponto eletrônico inteligente que vai ajudar sua empresa a acompanhar o tempo de trabalho dos seus colaboradores. Clique aqui, conheça nosso site e descubra como podemos resolver o seu problema.

Michel Orth

Diretor de Sistemas e Aplicações da Ponto Icarus

Um comentário

  1. Turnaround: tudo o que você precisa saber sobre o conceito - Controle de Ponto Online | Icarus em 18 de maio de 2021

    […] A partir daí, deve-se fazer uma reestruturação em todos os setores do empreendimento, assim como a comunicação com seus funcionários que serão os responsáveis pelo contato direto com seus consumidores. (veja também) […]

Comentários encerrados.