Pressione ESC para fechar


0

Controle de Ponto em Pequenas e Médias Empresas: Como Funciona?

O uso do ponto eletrônico em grandes empresas é extremamente comum. Isso porque, além do controle de ponto ser obrigatório para empresas que tem mais de 20 funcionários, essa é a forma mais prática de se manter o registro da jornada de trabalho. Porém, para empresas menores, há muitas dúvidas em relação a esse tipo de controle. Muitos empresários questionam se realmente é necessário, e também como esse registro funciona nesses casos.

A seguir, você poderá tirar todas as suas dúvidas sobre esse assunto. Entenda como o ponto funciona para PMEs, quais as vantagens de utilizá-lo e se realmente vale a pena investir nesse tipo de controle se você é dono de uma empresa de pequeno ou médio porte. Acompanhe conosco a seguir e tenha todas as suas perguntas respondidas!

Quais as vantagens do controle de ponto em pequenas e médias empresas?

Existem muitas vantagens em utilizar o relógio ponto na sua PME. A primeira, e mais óbvia, é o maior controle sobre a jornada de trabalho dos colaboradores. Isso, por sua vez, gera uma série de outras vantagens que iremos listar a seguir.

Economia de tempo

A instalação de um ponto eletrônico na empresa tem como consequência uma economia significativa de tempo para a gestão de recursos humanos. Mesmo em uma empresa com poucos funcionários, a contabilização manual de faltas e horários de trabalho pode tomar muito tempo, e há um risco maior de serem cometidos erros. Com o ponto eletrônico, os relatórios são gerados automaticamente e a contabilidade fica muito mais simples e rápida.

Evitar processos trabalhistas

Um dos principais motivos pelo qual o controle da jornada de trabalho é tão importante é para evitar processos trabalhistas. Afinal, a legislação é consideravelmente rígida no que diz respeito às horas permitidas. O ponto eletrônico armazena todas as informações de entradas e saídas dos funcionários, bem como de faltas. Assim, a empresa está segura judicialmente, já que tem provas de ter seguido a legislação corretamente.

Redução de custos

Ao se utilizar um controle de ponto, a empresa irá pagar aos seus colaboradores exatamente o que lhes é devido. Assim, custos de horas extras podem ser reduzidos, uma vez que elas serão melhor monitoradas; o mesmo vale para os custos judiciais em casos de processos, como já citamos acima. Além disso, a economia de tempo e o maior controle e assertividade da gestão gerados pela presença do ponto tornam a empresa mais produtiva. Assim sendo, além de reduzir custos, o ponto eletrônico também pode aumentar a lucratividade da empresa.

Agora que você já entendeu quais são as vantagens de se utilizar o ponto eletrônico em empresas menores, vamos explicar como esse controle pode funcionar para esse tipo de empresa. Acompanhe conosco a seguir.

Como funciona o ponto eletrônico em pequenas e médias empresas?

Nos sistemas mais tradicionais de ponto eletrônico, geralmente é instalado um relógio nas empresas, que funciona por biometria ou então por reconhecimento facial, gerando um comprovante quando o funcionário registra a presença. Então, são gerados relatórios automaticamente e o valor a ser pago aos colaboradores é baseado nesses relatórios.

Porém, esse processo vem sendo modernizado e em pequenas e médias empresas, é mais vantajoso utilizar-se de outras formas de registro. O ponto eletrônico inteligente, por exemplo, é uma ótima opção, pois é mais prático e sustentável, uma vez que elimina a necessidade de imprimir folhas de espelho e também o holerite, que pode ser assinado digitalmente.

Outra vantagem desse tipo de ponto eletrônico é que os próprios funcionários têm acesso às informações relativas à sua jornada de trabalho. Isso é particularmente importante em pequenas e médias empresas, onde o diálogo com a gestão é mais acessível e eventuais ajustes podem ser combinados de forma a agradar ambas as partes.

E se a sua PME conta com funcionários em home office, o ponto inteligente também permite controlar essas jornadas. Ele é baseado no GPS do próprio celular do colaborador, que não precisa se deslocar até a empresa para registrar sua presença. Não só isso é mais seguro enquanto a pandemia persistir, como também é mais prático e economiza recursos tanto para a empresa quanto para o funcionário, que não precisa gastar com nenhum tipo de transporte. Portanto, o ponto eletrônico para pequenas e médias empresas funciona de forma muito prática.

Afinal, vale a pena investir nesse tipo de registro para empresas menores?

Logicamente, essa é uma decisão que cabe a cada empresário. Afinal, a organização de cada empresa, bem como a relação com os funcionários, é muito própria. Porém, de forma geral, é possível afirmar que sim, vale a pena investir em um ponto eletrônico para pequenas e médias empresas.

Isso porque, como já explicamos no artigo, o ponto eletrônico é muito importante para um controle mais preciso da jornada de trabalho dos colaboradores. Mesmo uma empresa menor, com poucos funcionários, se beneficia desse tipo de registro. Afinal, o controle manual está sempre sujeito a erros humanos, como esquecimentos ou mesmo pequenos erros de digitação. Ao fazer um controle eletrônico ou digital, esses erros ficam menos comuns.

Existem muitos empresários que questionam essa afirmação, levando em consideração o investimento necessário para se ter um controle de ponto na empresa. A depender do tipo de ponto, realmente o valor da instalação e da manutenção do relógio pode parecer desnecessário a uma empresa pequena ou média. Porém, não é o caso com o ponto eletrônico inteligente.

A principal vantagem desse tipo de registro é que ele é feito a partir de um aplicativo de dispositivos móveis. Portanto, isso elimina gastos com instalação e manutenção do equipamento, uma vez que o controle pode ser feito a partir dos celulares da gestão e dos colaboradores. Portanto, o único gasto com o qual se preocupar é a mensalidade do aplicativo, que vale a pena pela praticidade e precisão que proporciona à empresa.

E aí, decidiu utilizar o ponto eletrônico na sua empresa de pequeno ou médio porte? Então entre em contato conosco para conhecer o nosso aplicativo de registro em ponto eletrônico. Visite nosso site e saiba quais são as nossas funcionalidades!

Michel Orth

Diretor de Sistemas e Aplicações da Ponto Icarus