Pressione ESC para fechar


0

Registro de ponto: qual a importância para sua empresa e seus colaboradores?

O registro de ponto nas empresas, mais que uma exigência legal, é um recurso importante que traz benefícios tanto para o empregador como para o funcionário.

O ponto digital serve para comprovar as horas trabalhadas e facilita o trabalho de gestão do setor de Recursos Humanos. 

Não apenas porque permite controlar a produtividade da equipe, como também reduz custos operacionais e diminui o número de ações trabalhistas. 

Além disso, temos o controle de ponto alternativo, que conta com as últimas atualizações da legislação. Leia este artigo até o final e veja como levar segurança jurídica para a sua empresa e seus colaboradores. 

Atualização e evolução tecnológica

A necessidade de uma boa gestão do ponto se torna ainda maior no cenário em que vivemos atualmente, com a flexibilização do trabalho presencial para remoto. Sem dúvida, este movimento foi muito intensificado pela pandemia do Coronavírus. 

Como ocorre em todas as áreas da atividade humana, houve expressiva evolução tecnológica no registro de ponto.  

Começou como manual, em livros de ponto. Depois veio o mecânico, com os cartões de papel. Em seguida surgiu o eletrônico e agora o digital, que permite inclusive a identificação por reconhecimento facial. 

Os desafios do RH para um correto registro de ponto

Antes de mais nada, é fundamental entender o papel relevante dos colaboradores na gestão do ponto. Afinal, eles são os protagonistas desse processo. 

Para que tudo funcione bem, é imprescindível que o registro de ponto seja realizado corretamente, o que exige forte engajamento dos colaboradores.

Entretanto, muitos ainda não conseguem enxergar os benefícios e sentem dificuldade para incorporar o registro de ponto em suas rotinas de trabalho.

Nesse sentido, cabe aos profissionais de RH conscientizá-los e demonstrar que as vantagens não são apenas para a empresa. 

Registro de ponto: qual a importância para sua empresa e seus colaboradores?

5 motivos para fazer o registro de ponto corretamente

Alguns funcionários podem demonstrar receio na hora de fazer perguntas na frente de outras pessoas. Assim sendo, é importante abrir um canal de comunicação direta para tirar dúvidas. Existem soluções digitais muito eficazes para isso. 

Na sequência, pode-se também criar fóruns digitais de discussão em ambiente interno, para compartilhar as informações. Desta maneira, evita-se responder às mesmas perguntas de forma recorrente. 

Aos poucos, as rejeições vão cedendo. Veja agora como mostrar que o correto registro de ponto é importante também para os funcionários:

Controle das jornadas

O colaborador tem como acompanhar cada registro de ponto, horários de entrada e saída, além dos intervalos. A regulamentação indica a disponibilização também de comprovantes, que podem ser emitidos de maneira automática. Desse modo, ele pode conferir tudo no espelho de ponto. 

Eventos extraordinários

Trabalho em hora noturna, domingos e feriados. Todos os eventos de horas extras ficam registrados no sistema de ponto, o que garante ao funcionário a tranquilidade de que não haverá erros ou falhas. Isso é particularmente importante no caso do trabalho remoto ou home office

Conferência permanente

Por determinação da lei, cada colaborador pode solicitar um espelho de ponto com os registros realizados naquele mês. Dessa maneira, ele consegue conferir com suas anotações ou comprovantes, podendo verificar se houve falhas nos lançamentos da folha de pagamento. 

Melhor gestão do tempo

Nesse caso, o correto registro de ponto torna-se um aliado da disciplina e da organização das metas de trabalho. Isso porque o controle da própria jornada ajuda a gerir o tempo, definindo melhor seus turnos de trabalho, respeitando os intervalos e aumentando a produtividade. 

Sensação de segurança

Todo funcionário se sente bem quando percebe que trabalha em uma empresa que zela pelo cumprimento dos direitos de todos. Isso cria um ambiente de trabalho positivo e uma grande satisfação profissional. É deste clima que a empresa precisa para contar com o correto registro de ponto.  

Como funciona o Controle de Ponto Alternativo?

Como citamos anteriormente, a gestão do ponto também tem se beneficiado da evolução tecnológica. Nesse ínterim, também tem ocorrido a modernização da CLT, Consolidação das Leis Trabalhistas.

Para aprofundar seus conhecimentos sobre o que diz a CLT e as últimas atualizações sobre o assunto, você pode ler o artigo “Mudanças nas leis Trabalhistas – Entenda melhor as reformas“, que publicamos aqui no Blog da Ponto Icarus. 

O Controle de Ponto Alternativo se refere ao registro de ponto que permite a marcação da jornada pelos colaboradores, por meio de equipamentos tecnológicos como, por exemplo, celulares, tablets ou computadores.

Atualmente temos três classificações para pontos: 

  • REP-C, Registrador de Ponto Convencional – também é conhecido como relógio de ponto, deve seguir regras específicas de disponibilidade no local de trabalho, extração e impressão de dados para auditoria fiscal e utilização apenas por funcionários da mesma empresa.
  • REP-P, Registrador de Ponto via Programa – inclui todos os coletores de marcação, armazenamento, registro e tratamento de pontos. A solução pode ser executada em ambiente de nuvem com um certificado de registro ou em um servidor próprio.
  • REP-A, Registrador de Ponto Alternativo –  engloba todas as soluções previstas por convenções coletivas e acordos coletivos de trabalho. E é justamente este modelo de marcação de ponto que é explicado no artigo 77 da Portaria 671/21, que substitui a Portaria 373.

Registro de Ponto: Segurança jurídica para empregador e funcionário

Por certo, a relação entre empresa e colaboradores é boa, na esmagadora maioria das vezes. Contudo, quando o vínculo empregatício se encerra, podem surgir divergências. 

Uma das maiores causas de processos trabalhistas no Brasil tem relação direta com o controle de ponto, tais como falta de marcação, horas extras, falhas no registro, falta de intervalos e até excesso na jornada de trabalho. 

Sempre que uma ação trabalhista é aberta, a responsabilidade por apresentar as provas é da empresa. Ela precisa mostrar que fez os registros de ponto corretamente, que pagou todas as horas trabalhadas, etc.

Ou seja, é obrigação do empregador fiscalizar e monitorar a rotina de trabalho de seu colaborador.

Inegavelmente, sua empresa ficará livre de tudo isso se optar por um processo de registro de ponto eletrônico, como a Ponto Icarus. A fim de otimizar ainda mais o trabalho do RH, leia o artigo “3 dicas para melhorar o controle no sistema de ponto da sua empresa“.

Registro de ponto: qual a importância para sua empresa e seus colaboradores?

Conclusão

Uma demanda judicial nunca é a melhor solução, seja para o colaborador, seja para a empresa. Nos dias de hoje, isso é um desgaste indesejável e evitável para ambos.

Por isso, conte com a Ponto Icarus para ajudar na superação deste desafio. 

Faça sua gestão de ponto com respeito à jornada de trabalho máxima, aos intervalos, repouso, férias, correta remuneração e também a uma relação transparente com o colaborador. 

Lembre-se: o controle de jornadas é um recurso importante para empresas e funcionários, previsto em lei e que, com a Ponto Icarus, pode ser gerido de maneira segura e eficiente.

Aproveite e comece agora uma avaliação de 14 dias gratuitos.

Deixe um comentário